LIGAÇÕES METÁLICAS: NÃO DEIXE SEU PROJETO CAIR

Um projeto de estrutura metálica que visa atender satisfatoriamente seu objetivo precisa levar em consideração inúmeros fatores para sua realização. Um deles, o qual falaremos hoje, é o seu tipo de ligação.

O que é uma ligação? Uma ligação pode ser entendida como a união entre dois ou mais corpos entre si. Na construção civil, vemos facilmente como uma ligação se apresenta.

Numa parede de tijolos, existe a ligação entre eles, que é feita a partir da argamassa de assentamento. Numa parede de madeiras, a ligação entre as peças se dá pelo uso de parafusos, pregos e pinos.

As ligações estão presentes nas mais diferentes edificações, seja qual for o material e a técnica utilizados. Ninguém duvida da importância das ligações. Se não tivéssemos a argamassa, os parafusos, pregos e pinos, nenhuma das paredes de nossos exemplos estaria em pé. Ou sequer sairia do papel.


Numa construção em estrutura metálica, ocorre o mesmo processo. No entanto, com suas devidas particularidades. Vejamos:

Para o projeto de um mezanino, por exemplo, desenvolve-se peças metálicas que serão dispostas de forma a suportar determinada carga, numa certa altura, em dada dimensão.

As peças horizontais que se cruzarão com as verticais devem ser ligadas de maneira que suportem o carregamento definido no projeto e, para isso, a escolha do tipo de ligação se torna essencial para o sucesso de uma estrutura.

TIPOS DE LIGAÇÃO METÁLICA

  • Ligações Rígidas;
  • Ligações Semi-rígidas;
  • Ligações Flexíveis.

Sua escolha é feita a partir da necessidade do projeto e da finalidade da estrutura. Quando a ligação de uma peça horizontal a uma vertical é feita, deve-se conhecer os esforços atuantes entre elas para indicar o melhor tipo de ligação a ser utilizado.

Suponha que, para o exemplo do mezanino acima, seja necessária uma ligação rígida. Isso quer dizer que não haverá possibilidade de movimento entre uma peça e outra, não haverá espaço entre elas. Uma peça horizontal, se for o caso, transmitirá todo seu esforço sobre a peça vertical a qual será ligada.


Diferentes técnicas e materiais podem ser utilizados em cada um dos tipos de ligação. É possível associá-los da seguinte forma:

  • Ligações Rígidas: solda, principalmente, mas também parafusos.
  • Ligações Semi-rígidas: parafusos e rebites.
  • Ligações Flexíveis: parafusos.

O tipo de ligação mais comum e utilizado é o parafuso. Ele pode ser aplicado tanto em ligações flexíveis como em semi-rígidas e rígidas, a depender do espaçamento entre as peças que serão ligadas e, portanto, a dinâmica dos esforços transmitidos por elas.

Contudo, é importante frisar mais uma vez, que o que define o tipo de ligação necessário para uma estrutura metálica é o projeto de engenharia e a finalidade da estrutura.


A Engees Engenharia é uma empresa especializada em estruturas metálicas. Nossos profissionais são experientes e estarão ao seu lado durante todas as etapas do projeto, desde o cálculo estrutural até a execução completa da sua obra. Entre em contato conosco e solicite um orçamento!



Copyright 2020.

- por ENGEES Engenharia. Todos os direitos reservados.

Todo o conteúdo deste site é de propriedade da companhia ENGEES Engenharia.